fbpx
Marketing Digital

Chatbots, sua empresa está pronta? O seu cliente está!

Com o crescimento da inteligência artificial o uso de chatbots além de mais comum tem sido melhorado no que diz respeito a entender e prever a melhor resposta para o cliente que está sendo atendido.

Os chatbots tem como base as antigas “uras” de atendimento telefônico para filtrar o cliente e direcionar de forma mais rápida o atendimento. Com o avanço da tecnologia, os chatbots, em alguns casos, conseguem substituir o atendente, reduzindo custos para a empresa, tempo de atendimento e consequentemente melhorando o atendimento ao cliente.

Por meio do chat, o robô interage com o usuário e tenta solucionar o problema/atendimento sem que haja a necessidade de uma intervenção humana.

Em alguns chatbots mais simples, configura-se uma sequência de ações, perguntas e respostas para que o robô possa conduzir a conversa e esclarecer para o cliente as dúvidas. Alguns mais avançados usam tecnologia de inteligência artificial para aprender com as conversas e dar respostas melhores a cada interação.

A ideia dos chatbots é que eles sejam mais humanizados do que uma sequência de perguntas com “sim” ou “não” para o cliente responder.

Apesar de muitos acharem que isso ainda é futuro, os clientes quando bem atendidos, mesmo que por um chatbot saem satisfeitos.

Case Vivo: 104 mil pessoas atendidas pelo chatbos. 49% das mensagens em um mês.

Com a tecnologia de chatbots implementada de modo correto, seu cliente não vai se “ofender” por estar falando com uma máquina, muito pelo contrário, vai valorizar o rápido atendimento e a inovação que a sua empresa demonstra.

Se engana quem acha que isso é apenas para grandes empresas, podemos aplicar essa tecnologia para automatizar, por exemplo, recebimento de pedidos de pizza, ou entrega de motoboy. O chatbot pode ser mais complexo, realizando atendimento de suporte a produtos, onde a gama de questionamentos dos usuários tende a ser maior.

Quando falamos de prestação de serviço, a variável humana sempre entra em questão. Quantas vezes você foi mal atendido em um dia por uma pessoa e no dia seguinte, na mesma empresa, só em mudar o atendente você já teve uma nova visão da empresa? Com o chatbots ocorre uma padronização de atendimento que reduz esse impacto da variável.

Por enquanto as empresas continuarão precisando de atendentes, pois os chatbots ainda tem muito a crescer no mercado, tanto em qualidade quanto em soluções, mas usar chatbot já é viável para sua empresa.

Outro ponto importante, os chatbots, apesar da inteligência artificial, ainda não substitui certos atendimentos, principalmente os mais consultivos onde a resposta não estaria em um banco de dados, por exemplo.

Ainda tem dúvidas sobre chatbots e como aplicar? Deixe seu comentário.