fbpx
Funcionalidades da Automação de Marketing

O que é Automação de Marketing e como usar na sua empresa

Saiba como a automação de Marketing otimiza o relacionamento com seus leads

– Não deixe para fazer na mão o que você pode fazer automatizando – já diria um velho ditado dos monges programadores do Vale do Silício. Em resumo, a automatização de Marketing é o uso de ferramentas e tecnologias para gerenciar automaticamente uma série de tarefas que os profissionais de Marketing executam em suas rotinas.

Pense, por exemplo, numa estratégia que envolva postagens em blogs, divulgação nas redes sociais, landing pages com oferta de conteúdo em troca de leads e e-mails marketing para diferentes públicos em diferentes estágios do funil de Marketing. Tudo isso leva tempo para organizar, produzir e gerenciar. Utilizando ferramentas de automação de Marketing, porém, você otimiza processos e ganha em eficiência.

Mais do que isso, a automação de Marketing permite criar ações personalizadas e escaláveis, o que significa atender de forma otimizada um crescente número de clientes. Boas ferramentas permitem acompanhar os leads ao longo de seus estágios de compra, alimentando-os com informações relevantes. E tudo isso, ainda por cima, de forma automatizada.

Benefícios da automação de Marketing para sua empresa

Como foi dito anteriormente, a automação de Marketing trabalha com um grande volume de informação dos seus leads, identificando seus perfis e estágios de compra e agindo de maneira personalizada.

Portanto,o principal benefício da automação de Marketing é melhorar o relacionamento com seus clientes e, consequentemente, aumentar as vendas.

Campanhas de nutrição:

Isso é alcançado, por exemplo, ao nutrir leads que ainda não estão prontos para a conversão. Imagine que a pessoa esteja apenas sondando soluções, ou esteja  sem verba no momento, mas se interessou por seus serviços de alguma forma.

Nesse caso, continuar presente, enviando e-mails marketing com dicas e novidades, por exemplo, pode ser suficiente para manter viva a lembrança da sua marca e fortalecer o relacionamento até o momento de uma possível compra. A automação de Marketing torna esse processo relativamente simples ao implementar fluxos automáticos.

Otimização do funil de vendas:

Além disso, as ferramentas de automação de Marketing podem identificar o estágio de compra dos seus leads, por meio do comportamento dos usuários, e aplicar a estratégia adequada.

Quem já se cadastrou para receber uma newsletter, por exemplo, tem um interesse diferente do que quem apenas leu o conteúdo e saiu do site. Cada comportamento demanda uma ação diferente para levá-lo ao próximo estágio, até a conversão.

Campanhas personalizadas

Além de  personalizar a comunicação de acordo com o comportamento dos usuário, a automação de Marketing também beneficia quem adota as personas nas estratégias (veja nosso post sobre o que são personas). É possível segmentar  e classificar seus leads por diversos critérios, como cargo, área de atuação ou momento de compra, por exemplo.

Reduz o ciclo de venda:

Por fim, já que a automação de Marketing se encarrega das ações de nutrição ao longo do funil, a equipe de vendas fica livre para receber os leads já nos estágios finais do ciclo de compras. Assim, em vez de passar tempo argumentando com o possível cliente, os vendedores podem focar em auxiliar o cliente a escolher a melhor solução e sanar dúvidas.  

Como aplicar a automação de Marketing na sua empresa

A tecnologia não é uma solução mágica, por isso, não basta contratar uma ferramenta, dar um clique e esperar os resultados aparecerem. Para implementar a automação de Marketing na sua empresa, é necessário observar algumas etapas:

Em primeiro lugar, deve-se estabelecer as métricas e estratégias da sua campanha. O que sua empresa almeja com a campanha? Quem deseja atingir e por quais meios? Em seguida, busque uma ferramenta que atenda as necessidades dessas estratégias. (Abordaremos as principais ferramentas no próximo post, fique atento!).

Deve-se ainda estabelecer a segmentação e o fluxo de nutrição para os leads. Quem será o alvo da sua campanha? Que cargo seu público ocupa? Como se comporta? E ainda: como será feita a comunicação? Você usará uma campanha de e-mails, interação nas redes sociais, posts em blogs ou um pouco de tudo?

Além disso, defina ainda quais conteúdos serão trabalhados a cada etapa do processo de compras de modo a ajudar o lead a avançar progressivamente rumo à conversão. Essas definições servirão como base para a configuração das regras de automação e do fluxo dos processos. Cabe ressaltar ainda que é importante medir e monitorar os resultados, fazendo os ajustes e melhorias nas regras, fluxos e estratégias sempre que necessário.

Já acabou, Jéssica?

Muito pelo contrário, este artigo é só o começo de uma série de posts sobre automação de Marketing, nos quais pretendemos abordar com mais detalhes diversas questões relevantes sobre o tema como: quais as principais ferramentas e suas características, os desafios que podem ser superados com a ajuda da automação, além de explorar como a automação pode ajudar a aumentar suas vendas.

Por isso, fique ligado no blog da Titânio para saber tudo sobre automação de Marketing e acompanhe sempre nossos posts. Aproveite e siga também nosso perfil no LinkedIn e, se precisar de ajuda para alcançar seus objetivos em Marketing Digital, entre em contato com a gente!